Super Cool Market faz festa neste sábado

O Super Cool Market lança amanhã (7/11) a segunda peça-chave da sua marca própria, traz novos estilistas e inaugura corner da Polar Store.

O espaço de compra, venda e troca de peças semi-novas aposta como um must have do verão as camisas femininas e masculinas com estética navy (R$79,90). Já os novos estilistas que passam a vender suas coleções lá estão Estudio Artha, Alguns Tormentos, By Mutation, Olivias, Hugo Zuba, Monica Horta, Daí Bags, Adô e os vestidos da Un Vestido Y Un Amor.

E no seu corner, a Polar Store comercializa itens exclusivos como os argentinos monoblocks (a partir de R$ 40), que ganham exposição no local entitulada Monoart que retrata o que sete artistas registraram durante 40 dias nos seus blocos.

spring50

Lançamentos Super Cool Market
Quando: 07 de novembro
Horário: Das 14h às 18h
Endereço: Rua Purpurina, 219 – Vila Madalena – Tel: (11) 3031-1663

Para quem não lembra do post que fiz do Super Cool Market quando inaugurou, aqui vai o link e o vídeo está abaixo.

Prova concreta

Realmente a “swap party” funcionou. Hoje vi a prova concreta disto. Fui almoçar na Editora Abril com a Aline e encontrei a Lucia. Resumo: de cara vi que a Lucia estava usando dois colares que eram meus, a Aline estava com calça e cinto que eram da Luciana e eu com a bolsa da Silvia. Rimos muito e já falamos que temos que programar outra festa troca-troca. A Silvia deu ideia de fazermos um swap de livros e roupas de criança (para quem as tem).

Super Cool Market em SP

Sabe a Swap Party da qual falamos em posts anteriores? Então, lembra que eu falei que esta ideia já virou business lá fora? Agora, aqui em São Paulo este modelo de negócio está chegando em forma de loja.

Amanhã será a inauguração da Super Cool Market, que tem como objetivo vender roupas “recicladas” com estilo e em bom estado, como fazemos com nossas amigas nas festas troca-troca. Com isto, temos a redução do impacto ambiental da produção têxtil de novas peças.

As sócias Carla Lamarca (27), Samantha Barbieri (26) e Daniela Klaiman (26) também vendem algumas peças de novos designers e com a própria marca Super Cool Market. Serão somente itens-chaves, os must have de cada coleção. Já de cara elas criaram a camisa xadrez, tão em alta. “Queremos que as pessoas encontrem aqui a peça fundamental da estação sem precisar procurar em 15 lojas até achar” diz Carla Lamarca, sócia e apresentadora da Fashion TV Brasil.

“Estamos em um momento de crise econômica, ambiental e social. Acreditamos em uma nova forma de consumo mais consciente: pagar menos, estar sempre na moda e evitar o desperdício, aumentando a vida útil de cada peça”, enfatiza a publicitária e empresária Samantha Barbieri.

Quem quiser vender suas peças, basta levar até lá e as “selecionadas” entram na arara. “Faremos uma seleção rigorosa do que será comercializado e vamos oferecer peças diferenciadas em excelente estado e higienizadas. Queremos mudar os hábitos de consumo e fazer com que as pessoas percebam que é possível se vestir bem com peças de coleções recentes, que não foram muito usadas por seus primeiros donos”, conta a publicitária Daniela Klaiman.

O mercado super cool fica na Rua Purpurina, 219, na Vila Madalena, e o espaço será aberto para eventos culturais, como lançamentos de livros e exposições. As sócias criaram o projeto “Instituição do mês”. As roupas que forem doadas e não tiverem o estilo da loja serão encaminhadas para uma instituição que muda a cada mês. A primeira ONG será o Projeto Escola Aprendiz.

meninas6

Swap Party. Confira o vídeo!

No domingo, dia 19, fiz o prometido. Chamei algumas poucas amigas mais próximas para fazermos uma Swap Party, a festa de trocar roupas da qual falei aqui em post anterior. Convidei minhas irmãs, sobrinha, primas e algumas amigas. Seis compareceram. Comigo eram sete mulheres. Meu pais tinham viajado e aproveitei para fazer no apartamento deles, em São Paulo, já que eu não moro mais na capital paulista.

Na semana passada mandei um e-mail para poucas pessoas que achei que iam gostar da ideia. A adesão foi instantânea. A mulherada se animou e pronto. Na verdade, foi a primeira de muitas que virão, em breve. Preparei um chá gostoso com pães franceses e de queijo, frios, bolo de limão, sucos e chás.

Primeiro chegou a Aline com o Diego (dormindo e, coitado, o único homem. mas se divertiu). Ficamos aqui só na conversa. Depois chegou a Laura e em seguida as minhas irmãs Camila e Luciana (com sua filhota Maria Clara) e as minhas amigas Silvia e Lúcia (olha o que ela escreveu sobre a festa).

Cada uma foi escolhendo um canto da sala, uma poltrona ou sofá, para ir colocando suas coisas. A mais exagerada era a Luciana, que trouxe uma mala tamanho jumbo, aquelas que nem podem entrar no avião devido ao tamanho grande. Eu trouxe vários acessórios. Muitos colares e pulseiras, pois recentemente descobri minha alergia a metais, bolsas e sapatos. Além disto, uma jaqueta, dois vestidos e uma camisão-kaftan. Bom, sai com muito mais coisa. Uma bolsa linda e um sapato de salto alto me encantaram, assim como um colete de seda lin-do, um casaco e alguns vestidinhos. Consegui todos!

A Laura trouxe várias jaquetas. Aí a mãe e a madrinha dela descobriram que não adianta presenteá-la com este item pois ela não usa. hahaha. A Luciana está de mudança de uma casona para um apartamento. Então ela quer se desfazer de tudo e resolveu não guardar mais o que não usa. Tinha peças para todos os gostos e estilos. A Aline também trouxe boa variedade de roupas. A Camila e a Silvia já foram mais tímidas no quesito “quantidade de peças”. A Silvia, claro, trouxe as mais chiques. Até uma criação de Jean Paul Gaultier que a Aline levou para casa!

Enfim, rimos muito e ainda saímos com roupas novas. Antes de dormir eu mostrava para o meu marido e parecia uma criança eufórica sem conseguir deitar na cama! Valeu a pena. E como eu disse, foi a primeira de muitas swap parties. Confira o vídeo!

Related Posts with Thumbnails