Matéria “No Brasil, tendência ainda engatinha, mas ganha fôlego” é premiada

Não sei se vocês se lembram, mas em fevereiro de 2010 fui para Londres para fazer a cobertura do salão de moda ética da London Fashion Week, a Estethica. Essa matéria, junto com a cobertura do São Paulo Fashion Week e o que outras marcas brasileiras estavam desenvolvendo para o inverno 2010, foi capa do caderno então chamado de Vida & Sustentabilidade do Estadão.

A boa notícia é que a matéria sobre o mercado brasileiro intitulada “No Brasil, tendência ainda engatinha, mas ganha fôlego” acaba de ganhar um reconhecimento: o Prêmio ABF-Afras Destaque Responsabilidade Social 2011 na categoria Jornalismo – Jornal. (ABF é a Associação Brasileira de Franchising e Afras é a Associação de Franquia Sustentável)

Fizeram parte do comitê de jurados deste prêmio os seguintes veículos e empresas: Diário do Comércio, Ideia Sustentável, Editora Lamonica Multicanal, DFREIRE Comunicação e Negócios, revista Pequenas Empresas Grandes Negócios (PEGN) e BrandWorks.

Queria agradecer meu então editor Sergio Pompeu por aprovar a pauta e fazer da mesma capa do caderno (hahahaha) e a organização deste Prêmio. Para quem não leu a matéria, clique aqui e confira.

Ah, acabo de ver que a entrevista que fizeram comigo no dia da cerimônia de premiação (26 de maio) foi postada no YouTube. Então coloquei o vídeo abaixo para quem quiser assistir (achei que o ângulo da câmera não me favoreceu muito, sem falar nas caretas que eu faço, mas tudo bem, hahahaha).

Fracasso na COP15?

Infelizmente as duas últimas semanas que marcaram a Conferência Internacional das Partes pelo Clima (COP 15) está chegando ao fim sem nenhum compromisso mundial firmado.

Ontem e hoje os governantes mundiais fizeram discursos e participaram de discussões no Bella Center, em Copenhague (Veja no vídeo abaixo). China colocou o maior impedimento se recusando a aceitar uma transparência das suas emissões, assim como a Índia que já estava aceitando a ideia.

E do americano Barack Obama era esperada alguma cartada na última hora, o que não aconteceu. Aliás, em seu discurso ele chegou a ser vaiado, enquanto o nosso presidente foi aplaudido em várias partes do seu discurso.

Lula disse que o Brasil não precisa do dinheiro dos países ricos para cumprir suas metas de redução de emissões de gases do efeito estufa e que vai fazê-lo. E completou dizendo que está disposto a colocar dinheiro no fundo internacional pelo clima desde que haja sacrifício e empenho de todos os países. Mas o presidente se disse frustrado.

Quem quiser acompanhar o último dia da COP 15 pode ver as notícias do Blog da COP e no canal Planeta que o Estadão está fazendo, com dois jornalistas enviados.

Abaixo vídeos com os highlights de ontem (em inglês) e os discursos de ontem e hoje do presidente Lula na COP 15 (em português, com alguns erros de concordância rsrsrs).

Related Posts with Thumbnails