Celulares sustentáveis e que não gastam bateria: o verde pegou a telefonia – discount cocktail dresses

Depois do lançamento do celular reciclável e neutro em emissão de carbono da Motorola (veja o post aqui no VB), agora foi a vez da Sony Ericsson lançar algo parecido. Apesar de menos ambicioso que o da Motorla, os novos celulares da empresa vão gerar uma emissão de carbono cerca de 15% menor do que os modelos tradicionais. Mas a boa notícia é que isso faz parte de um plano mais ambicioso da empresa de cortar cerca de 20% das suas emissões de carbono até 2015. Ponto pra eles!

Agora a boa notícia mesmo na área de telefonia “verde” fica com uma promessa da Nokia. A empresa conseguiu produzir um protótipo de um celular que se carrega sozinho, sem ter que colocar na tomada.

O princípio é simples: com tantas ondas magnéticas gerada por aí (TVs, celulares, discount cocktail dresses, radios, antenas) o celular consegue capturar grande parte dessas ondas e transformá-las em energia elétrica e mandá-las para a bateria. Assim, enquanto está em stand-by o celular aproveita essas ondas e se recarrega.

A ideia é antiga. Desde o fim do século 19 já se conhece a teoria para fazer isso acontecer. O problema é que, até hoje, os equipamentos necessários para capturar essas ondas do ambiente usavam mais energia do que recebiam. A Nokia conseguiu criar um circuito que capta cerca de 5 miliwats e gastando bem menos que isso para fazê-lo. Se chegar a gerar 20 miliwatts já é possível deixar um telefone em stand-by para sempre. Mas para conseguir carregar o telefone, discount cocktail dresses, são precisos cerca de 50 miliwatts, que a empresa pretende chegar em 2 a 3 anos. Só aí este tipo de equipamento deve chegar ao mercado. Agora é só torcer pela Nokia!

c901_greenheart_image13

Save

O primeiro celular ecológico prada replica handbags

A Motorola apresentou ao mundo, em janeiro deste ano, na CES (Consumer Electronics Show), em Las Vegas, EUA, o primeiro celular neutro em emissão de carbono do mundo. É o Moto W233 Renew.

O celular, em termos de tecnologia e recursos está longe dos top de linha. É um aparelho simples, com as funções hoje encontradas em qualquer aparelho celular: agenda, alguns aplicativos, capacidade de enviar e receber torpedos, sicronização com PC, enfim, nada de mais.

Mas o grande charme do celular está exatamente aí: ele tem todas as funções de um aparelho normal mas é totalmente ecológico. Da sua produção, embalagem e até no seu tempo estimado de uso, o celular se mantém absolutamente neutro na emissão de CO2 no meio-ambiente. Para chegar a isso a Motorola usou de algumas boas táticas.

Em primeiro lugar fez o aparelho com o máximo possível de material reciclado (toda a parte externa do celular, por exemplo, é feita 100% de plástico reciclado de garrafas PET). Em segundo lugar, reduziu o máximo possível a embalagem e fez tudo, desde caixa até manuais, prada replica handbags, de papel e papelão reciclados.

Por fim, o que restou de CO2 no processo, a empresa zerou com uma associação com a Carbonfund.org para que créditos de carbono (traduzidos em reflorestamento prada replica handbags) fossem adquiridos para neutralizar cada celular produzido.

Ah, e quem compra o celular ganha, de quebra, um envelope pré-pago para mandar seu celular antigo para a Motorola reciclá-lo. Ainda não tem previsão de quando o Moto W233 Renew vai chegar ao Brasil.

E tudo isso sem descer do salto. O design do aparelho não deixa a desejar. Todo preto, bem slim e com alguns toques de verde. Só pra deixar claro a que veio.

imagem6

Save

Related Posts with Thumbnails