Cosméticos homenageiam o Dia da Terra

Para celebrar o Dia  da Terra (Earth’s Day), diversas marcas fizeram promoções, campanhas ou mesmo comunicaram seus clientes quais ações e atitudes elas fazem para preservar e respeitar o meio ambiente.

No mundo dos cosméticos, todas as grandes empresas que usam ingredientes naturais e têm forte apelo para sustentabilidade aproveitaram o Dia da Terra como um bom marketing em prol das vendas. Bom, mas também, aqui nos Estados Unidos qualquer data é motivo para promoções. Não que eles estejam errados. Até porque, em muitos casos os consumidores se beneficiam e ajudam pessoas que estão precisando.

A The Honest Company, marca eco-friendly da atriz Jessica Alba, e a The Body Shop aproveitaram para reafirmar seus compromissos com um planeta melhor. 

Honest Co

Product: We design to maximize usage of plant-based materials in our products and actively focus on minimizing the presence of petroleum in our products and packaging.
Packaging: We are always seeking innovative solutions to protect natural resources by minimizing waste and maximizing use/re-use in our packaging.
Process: We know that making a sustainable product also includes how it’s manufactured, employee work environments, waste management, energy usage, and much more.

A Origins promete plantar uma árvore se o cliente comprasse um dos produtos abaixo. A marca também estava dando ecobags para quem fizesse compras acima de 55 dólares.

Origins

Origins

A Aveda investiu em uma campanha para ajudar pessoas que não têm acesso a água em diversos lugares no mundo. Pois é, parece incrível pensar a vida, o dia a dia, sem água. Mas muita gente sofre com sua escassez.
Aveda

 

E a Burt’s Bees está comemorando o mês da Terra dando de presente, via seu website, um protetor de tela e um ringtone para o seu celular feito com sons da natureza. Clique aqui para dar uma olhada no vídeo de como a música foi feita pelo compositor Diego Stocco.

Burt's Bees

Aveda: aromaterapia em cosméticos

Como muitos de vocês já sabem, sou super alérgica e não posso usar shampoos e sabonetes que tenham lauril sulfato de sódio. Fiquei ainda mais exigente e chata depois que fiquei grávida. Dizem que as alergias pioram, e mais do que nunca quero colocar em contato com a minha pele somente produtos suaves e super confiáveis.

Um dos meus maiores pesadelos no Brasil era achar shampoo livre de sulfatos. Já aqui nos Estados Unidos a tarefa é bem mais fácil. Desde que cheguei resolvi experimentar a dupla shampoo + condicionador da linha de alecrim (rosemary) da Aveda, uma empresa fundada em 1978 com o objetivo de fazer produtos com ingredientes botânicos de alta performance que sejam saudáveis para os consumidores e para o planeta.

A Aveda compra seus ingredientes de cultivo sustentável que visa o desenvolvimento local de diversas comunidades dos quatro cantos do mundo. Seu primeiro produto orgânico foi feito em 1994 e a empresa é uma das maiores compradoras de insumos orgânicos da indústria da beleza. Hoje, 90% dos óleos essenciais e 89% das ervas usados como ingredientes são certificados orgânicos.

Voltando aos produtos, eu adorei. Estou usando há 4 meses e ainda estou apaixonada por eles. Têm um aroma energizante e dão uma sensação refrescante. É um banho de aromaterapia, literalmente. O shampoo (10,50 dólares, 250ml) limpa sem ressecar os cabelos e o condicionador (10,50 dólares, 250ml) deixa os fios suaves sem ficarem oleosos. Super recomendo!

Outro produto desta linha que provei e aprovei (ainda quando estava no Brasil) é o refrescante e cheiroso Rosemary Mint Body Lotion (23 dólares, 200ml). Este hidratante corporal é feito com alecrim orgânico certificado, aloe vera orgânica, lavanda orgânica certificada, hortelã orgânica certificada, manjerona orgânica certificada, mentol, vitamina A e E.

Ele deixa a pele macia e seu aroma também relaxa a alma. Uma delícia. E não é gorduroso como muitos cremes que são produzidos e vendidos em lugares onde o frio é muito intenso, como nos Estados Unidos e na Europa.

Outros dois produtos que tenho usado e deixado na bolsa e na cabeceira, respectivamente, são os cremes para mãos (Hand Relief) e para os pés (Foot Relief). Ideais para hidratar, eles também dão uma sensação de relaxamento. A embalagem de 125ml de cada um custa 20 dólares. Já o kit com um pote travel size de 40ml de cada + um de 125ml de cada sai por 44 dólares.

Testado e aprovado by Green Gloss

O blog Green Gloss testou e aprovou um produto de uma marca de cosméticos que esteve na página “verde” da Marie Claire americana de agosto, onde produtos eco-friendly retratam o melhor estilo para este verão.

Trata-se da Aveda, uma empresa fundada em 1978 com o objetivo de fazer produtos com ingredientes botânicos de alta performance que sejam saudáveis para os consumidores e para o planeta.

A empresa compra seus ingredientes de cultivo sustentável que visa o desenvolvimento local de diversas comunidades dos quatro cantos do mundo. Seu primeiro produto orgânico foi feito em 1994 e hoje a empresa é uma das maiores compradoras de insumos orgânicos da indústria da beleza.

produto escolhido pelo Green Gloss como um must have é o super refrescante e cheiroso.

Clique aqui para saber qual é e para ver dois vídeos de comunidades brasileiras que fornecem ingredientes para a Aveda.

aveda

Green Hot List de beleza para 2010

Como ontem falei de moda, hoje resolvi atacar o universo da beleza. E algumas coisas não podem faltar na penteadeira “verde”. Invista nos itens a seguir que a satisfação é garantida!

6. A atriz Julia Roberts disse que esta é a sua bíblia de beleza. Escrito por Sophie Uliano, Gorgeously Green traz um passo-a-passo com 8 etapas básicas para ter uma vida eco-friendly. Lá é possível ver produtos que fazem mal para a sua saúde e a do planeta. Traz dicas para você ficar bonita e saudável de bem com a natureza. É incrível e é um livro para deixar na cabeceira ao lado de Green is the new Black.

Clique abaixo para comprar:
Gorgeously Green: 8 Simple Steps to an Earth-Friendly Life

georgeouslygreencover

7. Já falamos aqui, mas se você não experimentou agora é a hora. Aposte em esmaltes sem formaldeído. A Revlon e a Colorama trabalham sem este ingrediente há algum tempo.

O formaldeído é usado como conservante e muitos são tóxicos. Em contato com a pele pode causar alergia, dor no peito e nas juntas e cansaço crônico. Ele aparece mais normalmente com os nomes de hidantoína, imidazolidinyl urea e diazolidinyl urea.

esmalte revlon

8. Os brasileiros adoram shampoo que fazem espuma, né? Quanto mais, melhor. Pois é, mas o que muitos não sabem é que o responsável pela espuma é um ingrediente bem polêmico. O lauril sulfato de sódio ou lauril éter sulfato de sódio além de provocar dermatite é considerado por alguns pesquisadores como cancerígeno. A opção é procurar produtos que têm na composição lauryl glucoside ou decyl glucoside. Eles não fazem tanta espuma mas tenha certeza que limpam do mesmo jeito!

O shampoo Éh Cosméticos Orgânico , o Natura Mamãe e Bebê e alguns da Kiehl’s são alguns exemplos. No exterior já é muito mais fácil achar e marcas como Burt’s Bees, L’Óreal, Aveda e Avalon Organics são algumas delas.

Outro ingrediente muito comum e que também deve ser evitado é o parabeno e seus derivados. Eles alteram a função hormonal, principalmnte do estrógeno, e pesquisas mostram que aumentam o risco de câncer de mama. A Kiehl’s tem um shampoo livre de sulfato e parabenos. É ótimo. Você lava e o cabelo parece ficar áspero. Aí é só colocar o creme da mesma linha que ele fica uma delícia.

kiehl's

9. Você precisa investir em pelo menos um cosmético orgânico. A linha Açaí Ekos da Natura tem um esfoliante corporal maravilhoso. Eles usam açaí orgânico. A Orgânicos Cadiveu tem uma máscara capilar hidratante e um creme para o corpo de manga tropical, ambos cultivados de maneira orgânica, que são divinos!

cadiveu_1368

10. A equipe brasileira da Johnson’s & Johnson’s desenvolveu uma escova com cabo feito 40% de plástico reciclados pré-consumo, a Eco Reach. Ou seja, em vez de descartar estes materiais atóxicos que sobraram em outros processos industriais, a empresa os aproveita para fazer esta escova. E o melhor, ECO é de ecológica e econômica, quebrando o tabu que produtos “verdes” são mais caros.

ecoreach-verde

“Pelo fato de reutilizarmos a matéria-prima, conseguimos diminuir o custo final e manter características sofisticadas”, conta Fernanda Folgosi, gerente de marketing da Reach. O preço sugerido é de R$ 1,49. Eu gostei tanto que comprei uma para minha mãe e uma para o meu marido, que também aprovaram!

Related Posts with Thumbnails